Crítica O Matador: completamente dispensável

Na primeira metade do século XX, no sertão de Pernambuco, Cabeleira, após ser deixado no meio do nada ainda bebê, é resgatado por Sete orelhas, que o cria isolado da civilização. Já adulto, o protagonista vai à cidade procurar pelo pai adotivo, que desapareceu, e acaba tornando-se o matador de Monsieur Blanchard, francês que domina…

Crítica The Sinner: traumas e seus reflexos

Uma jovem mulher que se preocupa com o marido e o filho pequeno, está indo bem no trabalho e leva uma vida aparentemente tranquila. Certo dia, durante passeio no lago, escuta uma música que a perturba, dirigi-se até o casal próximo a ela e mata o homem golpeando-o repetidas vezes com uma faca até então…

Crítica Stranger Things S2: incrível aventura pelo mundo invertido

Esqueça por um tempo a existência de tantos aparatos tecnológicos cada vez mais modernos e volte a pensar que é preciso rebobinar a fita antes de ser devolvida, caso contrário paga-se multa. Como assim Lady Gaga e Beyoncé? Estamos nos anos 1980, a música é outra. Com um ar nostálgico capaz de fisgar até mesmo…

Crítica Insecure S2: os defeitos de Issa

Aclamada pela crítica e com audiência crescente em sua segunda temporada, a série de comédia dramática Insecure, criada por Issa Rae, que também protagoniza, e Larry Wilmore, mostra a rotina de uma mulher negra norte-americana que precisa aprender a lidar com o amor, o racismo, os ex-namorados e todas suas inseguranças. Sem uma visão romantizada…

TempTV S1E3: séries da nossa infância

Chaves, Um Maluco no Pedaço, Ursinhos Carinhosos. O terceiro episódio do TempTV aborda, por meio de mímicas, produções televisivas que marcaram a nossa infância. Confira no vídeo abaixo:

Crítica Mindhunter S1: apática

Na década de 1970, nos Estados Unidos, uma unidade do FBI deixa de lado a ideia de que as pessoas nascem más e entrevistam vários criminosos que cometeram atos nefastos para traçar seus perfis, saber suas trajetórias e, mais tarde, usar isso para compreender o que eles passaram a denominar de serial killers. Baseada na…

Crítica Rick and Morty S3: viciante

Imagine misturar o filme De Volta Para o Futuro com a série Os Simpsons, acrescentar uma infinidade de referências da cultura pop e conceitos científicos ideais para desgraçar a cabeça do público. Pronto, temos Rick and Morty, animação criada por Dan Harmon e Justin Roiland. Em sua terceira – e, infelizmente, breve – temporada, a…

Crítica Brooklyn Nine-Nine S4: ótimo passatempo

No seu primeiro ano, Brooklyn Nine-Nine, produção criada por Daniel J. Goor e Michael Schur, levou dois prêmios no Globo de Ouro. É verdade que não merecia ser considerada a melhor série de comédia do ano, pois havia outras muito mais relevantes. Entretanto, a despretensiosa atração sempre soube nos fazer rir. É perfeita para ser…

Crítica Transparent S4: atravessando fronteiras

Em uma sociedade ocidental ainda resistente a mudanças comportamentais, a visibilidade da luta de quem sofre preconceito é de extrema importância. A batalha de negros, mulheres, LGBTs etc. precisa estar presente no nosso cotidiano, nas telas. Por mais que avance a pauta de gays, lésbicas e bissexuais, a transexualidade encontra mais oposição e tem dificuldade…

TempTV S1E2: altos e baixos de Game of Thrones

Jon Snow é o homem mais bonito de Westeros? Essa e outras questões no segundo episódio do TempTV, que fala sobre Game of Thrones, nossa novela das oito favorita. Confira no vídeo abaixo:

Crítica First They Killed My Father: jornada de dor

A ditadura comunista de Khmer Rouge promoveu, na década de 1970, o genocídio de cerca de um quarto da população do Camboja à época. Famílias foram destroçadas, entre elas a de Loung Ung, que escreveu sobre os horrores vividos. A autora juntou-se a Angelina Jolie para fazer o roteiro de First They Killed My Father:…

Especial: quem merece vencer no Emmy 2017

Sem Game of Thrones na competição deste ano, quem destacou-se no 69º Emmy Awards foi Westworld, com 22 indicações, e Stranger Things, 18. Tradando-se das emissoras, as campeãs foram a HBO, com 110 indicações, a Netflix, 91, e a NBC, 60. Claro que ter o maior número de nomeações nem sempre se traduz em prêmios…