Crítica What We Do in the Shadows S2: humor e sangue

Viril, sedutor, irresistível. O arquétipo do vampiro traz traços de um ser mítico e sexy que habita as sombras. Na maioria das vezes, mas nem sempre. O insaciável bebedor de sangue também pode ser desajeitado e pouco atrativo. Com personagens excêntricos e carismáticos, What We Do in the Shadows revela uma face mais destrambelhada desses…

Crítica Killing Eve S3: humor e excentricidade

Criada por Phoebe Waller-Bridge, a série Killing Eve foi um sucesso momentâneo. A história de fascinação e ódio entre Villanelle (Jodie Comer) e Eve Polastri (Sandra Oh) facilmente seduziu a todos com seu texto fluído e inteligente, ótimas atuações e direção sólida. Enquanto Emerald Fennell conduziu o segundo ano da atração, o terceiro ficou por…

Crítica Dark S3: enfim o paraíso?

Um nó temporal, outro em nossas mentes. O drama alemão Dark, criado por Baran bo Odar e Jantje Friese, nos apresentou uma jornada de tirar o fôlego e confundir os mais distraídos. Chegou ao fim com sua intrincada terceira temporada, de densos oito episódios. As peças foram movidas constantemente no tabuleiro e enfim pudemos entender…

Artigo: Parks & Recreation e personagens unidimensionais

Parks & Recreation, comédia criada por Greg Daniels e Michael Schur, já tem seu lugar guardado na história da televisão norte-americana. É um daqueles trabalhos com narrativa ímpar que nos deixa apaixonados rapidamente. Leslie Knope, vivida pela gloriosa Amy Poehler, e sua equipe são insuperáveis tratando-se de arrumar confusão na ficcional Pawnee, localizada no estado…

Crítica Love, Victor S1: uma série fofa

O filme Love, Simon, de 2018, foi a primeira grande produção de um estúdio de cinema a focar em um romance adolescente gay. Com base no livro Simon vs. the Homo Sapiens Agenda, de Becky Albertalli, a película de Greg Berlanti trouxe uma história leve e terna. O sucesso deu sinal verde para uma série…

Crítica Westworld S3: indecifrável

Lisa Joy e Jonathan Nolan tinham uma responsabilidade muito grande quando criaram Westworld. A então nova atração da HBO nascia na sombra de Game of Thrones e cabia a ela ser o novo sucesso da emissora. O primeiro ano mostrou-se realmente promissor. O enredo foi costurado com calma e The Bicameral Mind merece aplausos. A…

Crítica Never Have I Ever S1: raízes indianas

Uma criação de Lang Fisher e Mindy Kaling, com inspiração na vida desta, a comédia Never Have I Ever, da Netflix, é centrada na família de Devi (Maitreyi Ramakrishnan), uma adolescente norte-americana filha de indianos. Após o falecimento do pai, Mohan (Sendhil Ramamurthy), a jovem faz terapia para ajudar a enfrentar o luto. Em estado…

Crítica Schitt’s Creek S6: uma nova família

Uma comédia canadense pouco conhecida pelo grande público. Após receber indicações nas principais categorias do Emmy, Schitt’s Creek ganhou o mundo sem deixar de ser uma daquelas séries despretensiosas com uma pegada indie. Infelizmente, o reconhecimento da crítica veio próximo ao final. Depois dos holofotes, restaria para nós apenas mais uma temporada. Recém-exibido, o sexto…

Especial: 5 motivos para conferir Formula 1: Drive to survive

Adrenalina, tensão, euforia, medo. Esses e outros tantos sentimentos ocorrem aos pilotos e ao público em uma corrida de Fórmula 1. Quando os carros alinham no grid, até mesmo respirar fica difícil. Ao apagarem-se as luzes vermelhas, é hora do show. Acontece que os bastidores são tão ou mais animados que a corrida em si…

Crítica The Good Place S4: paraíso finito

Uma das séries de comédia mais consistentes e inovadoras da televisão chega ao seu fim. The Good Place, de Michael Schur, encerra seu ciclo com a quarta temporada – e nos presenteia com um desfecho sensível. Após serem enganados por Michael (Ted Danson) durante o primeiro ano, Eleanor (Kristen Bell), Chidi (William Jackson Harper), Tahani…

Crítica Sex Education S2: frescor juvenil

A difícil tarefa de falar sobre sexo. Ou melhor, a nem tão difícil tarefa de falar sobre sexo. Quem sabe, em verdade, seja uma tarefa muito fácil que apenas se torna complicada em sociedades repressivas. Sex Education, série criada por Laurie Nunn, mostra que a última opção é a mais válida. Em sua segunda temporada,…

Crítica The Marvelous Mrs. Maisel S3: turnê com Shy

Uma série extremamente bem feita, hilária e contagiante. The Marvelous Mrs. Maisel, uma criação de Amy Sherman-Palladino, chamou a atenção do público e da crítica já em sua estreia, conquistando inúmeros prêmios e elogios. A segunda temporada veio para confirmar seu brilhantismo e, agora, a terceira segue o padrão das anteriores – ou seja, é…