Crítica BoJack Horseman S5: a repetição dos erros

BoJack Horseman, personagem-título da aclamada animação da Netflix criada por Raphael Bob-Waksberg, é um ser atormentado pelos diversos erros cometidos no passado. A dificuldade em conviver com memórias desagradáveis torna-o dependente de substâncias compradas para aliviar dores físicas – e utilizadas para anestesiar as dores da alma. O cavalo protagonista, que está cercado por humanos,…

Crítica Maniac: conexões e enfrentamento

O que é real? Essa pergunta martela o tempo todo na cabeça de Owen Milgrim (Jonah Hill), jovem com esquizofrenia que é deixado de lado por sua família rica por causa da doença. Sozinho e desempregado, ele acaba aceitando participar como cobaia de um tratamento farmacêutico radical que promete reparar os problemas da mente. Como…

Crítica Atypical S2: falhas visíveis

Atypical, comédia dramática criada por Robia Rashid, é uma daquelas séries que conseguem nos envolver facilmente. Com episódios rápidos e trama costurada de maneira leve, você consome todo o material sem nem mesmo perceber. Focada na família de Sam (Keir Gilchrist), a produção aborda não apenas o autismo do protagonista, mas a sexualidade da irmã…

Crítica Disenchantment S1: humor que não entusiasma

Matt Groening é um dos nomes mais famosos da televisão norte-americana. Ele criou duas animações bem relevantes para a cultura pop: Os Simpsons, que recentemente tornou-se a série ocidental com o maior número de episódios, e Futurama, que não teve tão estrondoso sucesso, mas conquistou um bom número de fãs e chegou a ter sobrevida….

Crítica Lovesick S3: o amor e suas dificuldades

Dylan (Johnny Flynn) descobre que tem clamídia. A constatação da doença dá início à trama de Lovesick, comédia dramática criada e escrita por Tom Edge. Além de tomar dois remédios, o protagonista precisa fazer uma lista e entrar em contato com as parceiras sexuais que teve. Entre elas está Evie (Antonia Thomas), uma de suas…

Crítica Insatiable S1: extremamente ruim

Há produções que, na tentativa de acertar a mão na hora de abordar temas sensíveis, acabam cometendo alguns deslizes. Assim como qualquer outra obra, estão suscetíveis a receber críticas. Todavia, de modo geral, é perceptível que se esforçam para entregar um produto com o mínimo de qualidade. Não é o caso de Insatiable, nova série…

Crítica Orange Is the New Black S6: vidas à deriva

Guardas que espancam, colegas de cela que tentam te matar, gangues que incitam o ódio, drogas como escapatória, regras mais rígidas. Não está nada fácil a vida das protagonistas de Orange Is the New Black, série criada por Jenji Kohan com base no livro de memórias de Piper Kerman. Em sua sexta temporada, a produção…

Crítica Luke Cage S2: sofrível

À época do seu lançamento, a primeira temporada de Luke Cage, série criada por Cheo Hodari Coker, chegou para consolidar a parceria da Netflix e da Marvel, que já tinham disponibilizado Daredevil e Jessica Jones, ambos produtos de grande sucesso. Essa que seria mais uma investida em uma trajetória de acertos, mostrou-se a última dos…

Crítica Glow S2: as nuances do empoderamento

Um grupo de mulheres unidas que lutam entre si e contra os outros, estes sim os verdadeiros inimigos. Estrelas de um programa fictício concebido para entreter – e de uma série da Netflix que não apenas diverte, mas nos faz refletir. Glow, produção criada por Liz Flahive e Carly Mensch, estreia sua segunda temporada, que…

Crítica Samantha! S1: amor pelos anos 1980

Após lançar a trama futurista de 3%, que conquistou grande público, e o drama O Mecanismo, que dividiu opiniões ao abordar o lamaceiro da corrupção, a Netflix volta-se para a comédia em sua terceira série brasileira. Samantha!, uma criação de Felipe Braga, traz Emanuelle Araújo como a personagem-título, uma atriz, cantora e apresentadora que fez…

Especial: quem é mais fabuloso em Queer Eye

Cinco homens gays fabulosos estão no comando de Queer Eye, reality show da Netflix que estreou no início de 2018 e é um reboot da produção homônima que foi ao ar de 2003 a 2007, no canal Bravo. Na atração, os protagonistas precisam usar seus conhecimentos específicos para ajudar, a cada episódio, uma pessoa diferente…

Crítica Champions S1: adolescência e homossexualidade

Vince (Anders Holm) e Matthew (Andy Favreau) são irmãos que administram uma academia em Nova York. Certo dia, sem mais nem menos, Priya (Mindy Kaling) bate na porta deles para avisar não apenas que Vince tem um filho adolescente, mas que Michael (J.J. Totah) passará a morar com o pai e o tio. O enredo…