Crítica What We Do in the Shadows S2: humor e sangue

Viril, sedutor, irresistível. O arquétipo do vampiro traz traços de um ser mítico e sexy que habita as sombras. Na maioria das vezes, mas nem sempre. O insaciável bebedor de sangue também pode ser desajeitado e pouco atrativo. Com personagens excêntricos e carismáticos, What We Do in the Shadows revela uma face mais destrambelhada desses…

Artigo: Parks & Recreation e personagens unidimensionais

Parks & Recreation, comédia criada por Greg Daniels e Michael Schur, já tem seu lugar guardado na história da televisão norte-americana. É um daqueles trabalhos com narrativa ímpar que nos deixa apaixonados rapidamente. Leslie Knope, vivida pela gloriosa Amy Poehler, e sua equipe são insuperáveis tratando-se de arrumar confusão na ficcional Pawnee, localizada no estado…

Crítica Love, Victor S1: uma série fofa

O filme Love, Simon, de 2018, foi a primeira grande produção de um estúdio de cinema a focar em um romance adolescente gay. Com base no livro Simon vs. the Homo Sapiens Agenda, de Becky Albertalli, a película de Greg Berlanti trouxe uma história leve e terna. O sucesso deu sinal verde para uma série…

Crítica Hollywood: da realidade ao sonho

Ryan Murphy tem sido muito eficaz em dramatizar histórias reais na televisão. Dois bons exemplos são Feud e American Crime Story. Enquanto a primeira minissérie trouxe o confronto épico entre Bette Davis e Joan Crawford, a segunda nos apresentou os casos policiais envolvendo O.J. Simpson e Gianni Versace. Ao lado de Ian Brennan, desta vez…

Crítica Never Have I Ever S1: raízes indianas

Uma criação de Lang Fisher e Mindy Kaling, com inspiração na vida desta, a comédia Never Have I Ever, da Netflix, é centrada na família de Devi (Maitreyi Ramakrishnan), uma adolescente norte-americana filha de indianos. Após o falecimento do pai, Mohan (Sendhil Ramamurthy), a jovem faz terapia para ajudar a enfrentar o luto. Em estado…

Crítica Schitt’s Creek S6: uma nova família

Uma comédia canadense pouco conhecida pelo grande público. Após receber indicações nas principais categorias do Emmy, Schitt’s Creek ganhou o mundo sem deixar de ser uma daquelas séries despretensiosas com uma pegada indie. Infelizmente, o reconhecimento da crítica veio próximo ao final. Depois dos holofotes, restaria para nós apenas mais uma temporada. Recém-exibido, o sexto…

Crítica The Good Place S4: paraíso finito

Uma das séries de comédia mais consistentes e inovadoras da televisão chega ao seu fim. The Good Place, de Michael Schur, encerra seu ciclo com a quarta temporada – e nos presenteia com um desfecho sensível. Após serem enganados por Michael (Ted Danson) durante o primeiro ano, Eleanor (Kristen Bell), Chidi (William Jackson Harper), Tahani…

Crítica Sex Education S2: frescor juvenil

A difícil tarefa de falar sobre sexo. Ou melhor, a nem tão difícil tarefa de falar sobre sexo. Quem sabe, em verdade, seja uma tarefa muito fácil que apenas se torna complicada em sociedades repressivas. Sex Education, série criada por Laurie Nunn, mostra que a última opção é a mais válida. Em sua segunda temporada,…

Crítica The Marvelous Mrs. Maisel S3: turnê com Shy

Uma série extremamente bem feita, hilária e contagiante. The Marvelous Mrs. Maisel, uma criação de Amy Sherman-Palladino, chamou a atenção do público e da crítica já em sua estreia, conquistando inúmeros prêmios e elogios. A segunda temporada veio para confirmar seu brilhantismo e, agora, a terceira segue o padrão das anteriores – ou seja, é…

Crítica Schitt’s Creek S5: a descoberta do amor

Uma família de pessoas ricas, disfuncionais e egoístas. Quatro pessoas que perdem praticamente toda a fortuna que têm e veem-se obrigadas a morar em um motel decadente em uma cidade pequena que é motivo de piada por causa de seu nome: Schitt’s Creek. A série, que tem mesmo infortunado título, aborda os dissabores dos recém-chegados….

Crítica Barry S2: desnecessária e ótima

Quando eu penso em comédias que gostaria muito de assistir, Barry não é uma escolha óbvia. Um homem cis, branco e heterossexual assassino que quer largar a profissão de matador de aluguel e virar ator não soa indispensável. De fato, ela pode até não ser. Todavia, a comédia criada por Alec Berg e Bill Hader…

Crítica The Big Bang Theory S12: a jornada do ontem

Após doze temporadas, uma das comédias mais populares da televisão norte-americana chegou ao seu fim. The Big Bang Theory, série criada por Chuck Lorre e Bill Prady, encerra um ciclo de sucesso. Quem diria que aquele grupo de nerds estranhos conquistaria o coração de tantas pessoas? Leonard (Johnny Galecki), Sheldon (Jim Parsons), Howard (Simon Helberg)…